Ranking mostra bairros de SP em que imóveis mais se valorizaram em 2016

Durante o processo de compra de um imóvel, os consumidores costumam analisar qual o local em que investirão para não se arrependerem da aquisição. Isso vale para quem vai morar ou investir no imóvel.

A escolha do bairro é um ponto central e, em 2016, muitas regiões da cidade de São Paulo sofreram mudanças no preço do metro quadrado, segundo o levantamento exclusivo divulgado pela ImovelWeb (veja o preço do metro quadrado nos bairros paulistanos no quadro abaixo).

Dentre os bairros mais valorizados ao longo do ano, a Bela Vista foi o que registrou o aumento mais expressivo no preço do metro quadrado. O valor é de R$ 8.580, representando um aumento de 5,5%.

Além disso, Piqueri e Casa Verde aparecem logo em seguida como os locais com maiores valorizações: o aumento foi de 5% e 4%, respectivamente.

Em valores absolutos, porém, o bairro mais caro para adquirir um imóvel em São Paulo é o Itaim Bibi, onde o metro quadrado custa R$ 12.694. No entanto, em 2016, a valorização foi de apenas 1,7%. A pesquisa teve como base mais de 450 mil anúncios mensais do portal.

Além do aumento dos preços de algumas localidades, outras sofreram desvalorização ao longo do ano. O líder do ranking com o preço mais barato por metro quadrado foi o bairro do Tucuruvi, que sofreu desvalorização de 5,40%. A metragem passou a custar R$ 6.495. Logo em seguida aparecem os bairros Lauzane Paulista e Vila Moraes, que registraram queda de 5,1% e 4,3%, respectivamente.

De acordo com o CEO do Imovelweb Mateo Cuadras, a pesquisa mostra que o mercado imobiliário está estável.

— De uma forma geral o mercado imobiliário apresenta estabilidade, o que pode oferecer boas oportunidades para o consumidor. Em paralelo, temos uma maior oferta de imóveis em nosso portal e também um aumento significativo de buscas nessa reta final do ano.

Abaixo, veja os bairros que tiveram as maiores valorizações imobiliárias:

Conheça os bairros em que imóveis ficaram mais caros em 2016

Bairro Valor m² Valorização
Bela Vista R$ 8.580,00 5,50%
Piqueri R$ 6.356,00 5,00%
Casa Verde R$ 6.969,00 4,00%
Vila Madalena R$ 10.963,00 4,10%
Freguesia do Ó R$ 6.215,00 3,80%
Campo Limpo R$ 4.749,00 3,50%
Vila Guilherme R$ 6.418,00 3,10%
Liberdade R$ 7.111,00 3,00%
Vila Mariana R$ 9.656,00 2,60%
Aclimação R$ 8.485,00 2,60%
Cidade Líder R$ 4.524,00 2,50%
Itaquera R$ 4.482,00 2,40%
Vila Formosa R$ 6.305,00 2,40%
Santana R$ 7.107,00 2,30%
Limão R$ 6.304,00 2,30%
Higienópolis R$ 9.652,00 2,10%
Tatuapé R$ 7.126,00 2,10%
Penha R$ 5.590,00 2,00%
Cangaíba R$ 4.773,00 1,90%
Ipiranga R$ 7.917,00 1,90%
Paraíso R$ 9.597,00 1,90%
Vila Matilde R$ 5.782,00 1,90%
Pacaembu R$ 9.893,00 1,80%
Vila Gustavo R$ 5.983,00 1,70%
Jardim Íris R$ 5.921,00 1,70%
Itaim Bibi R$ 12.694,00 1,70%
Interlagos R$ 6.230,00 1,70%
Mooca R$ 7.058,00 1,60%
Santa Cecília R$ 8.083,00 1,50%
Pinheiros R$ 11.135,00 1,20%
Vila Olímpia R$ 11.674,00 1,00%
Perdizes R$ 9.447,00 1,00%
Saúde R$ 8.197,00 1,00%
Anália Franco R$ 8.034,00 1,00%
Vila Andrade R$ 6.154,00 0,80%
Moema R$ 10.646,00 0,40%
Vila Prudente R$ 6.467,00 0,30%
Panamby R$ 7.318,00 0,20%
Lapa R$ 9.180,00 0,10%
Morumbi R$ 5.968,00 0,10%
Jardim Prudência R$ 6.715,00 0%

Abaixo, veja os bairros que tiveram as maiores quedas nos valores dos imóveis:

Veja quais os bairros que tiveram maior desvalorização em 2016

Bairro Valor m² Desvalorização
Tucuruvi R$ 6.495,00 -5,40%
Lauzane Paulista R$ 6.648,00 -5,10%
Vila Moraes R$ 5.617,00 -4,30%
Vila Aricanduva R$ 5.823,00 -2,90%
Pirituba R$ 5.823,00 -2,90%
Jardim Aricanduva R$ 5.165,00 -2,60%
Jaraguá R$ 4.877,00 -2,00%
Brooklin R$ 10.539,00 -1,40%
Socorro R$ 5.968,00 -1,10%
Campo Belo R$ 9.917,00 -0,80%
Vila Nova Conceição R$ 16.292,00 -0,40%

Fonte: ImovelWeb / R7.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *